Agadir: os sabores e as iguarias do óleo de Argan


Imagine uma cidade super antiga a beira Mar com temperaturas agradáveis durante o ano todo, praias propícias ao banho e à prática de surfe, grandes redes hoteleiras, casas noturnas e a grande maioria da sua população descendente dos berberes que viviam no deserto do Saara (não por menos que a maioria dos habitantes de Agadir falam o idioma berber depois do árabe e do francês). Pois esta é primeira impressão que se tem ao chegar na cidade marroquina de Agadir, um grande centro urbano que concentra um mix de culturas, cores, odores e sabores que são típicos desta região.

A começar pelos serviços de táxis que são divididos em duas categorias: se você precisa de um passeio rápido não hesite em pegar o primeiro carrinho laranja caindo aos pedaços que encontrar, mas tenha cuidado para não se sujar ao entrar neles. Agora se o seu intuito é seguir por um caminho mais longo pegue logo um dos carros de cor branca e negocie o valor da corrida antes de entrar no carro, ao contrário pode ter que pagar um preço absurdo ou até mesmo envolver-se em uma briga entre taxistas.

IMG_2006

Os marroquinos são exímios na arte da barganha e estão sempre atentos para levar vantagem dos menos desavisados, por isso mesmo quando alguém te oferecer algo com aquela carinha de inocente que quer ser somente seu amigo(a) como: gentilmente de dar uma sacolinha plástica no souk (mercado) ou oferecer-se para tirar uma foto, não se engane, no final você terá que pagar alguns Dirhans (moeda local) pelo serviço.

E se você é um daqueles como eu que se irrita com toda essa história de barganhar para comprar um quilo de bananas no mercado, então relaxe e tente aproveitar o que a cidade tem de melhor acostumando-se com a cultura local, afinal de contas a grande maioria da população do país é bastante humilde e precisa vender seus produtos e serviços para sustentar suas famílias.

Aqui vão algumas dicas de lugares que merecem uma visita na cidade de Agadir:

Praias: a cidade possui uma extensa orla marítima com diversos cafés, restaurantes, casas noturnas e redes hoteleiras, além de opções de atividades de esportes náuticos que atraem milhares de visitantes. As praias do centro são bem frenquentadas, a areia é bastante fina, a água bem agradável e onde concentram-se a maioria das famílias e grupos de visitantes.

IMG_2018

Já na Praia de Toghazout localizada a 18 quilômetros ao Norte de Agadir concentram-se a maioria dos surfistas, pois ali encontram o seu refúgio. A praia, que possui 8 quilômetros de extensão, foi a primeira a receber os grupos de hippies que chegaram no Marrocos na década de 60 e, hoje, Toghazout é um dos pontos principais para a prática de surfe no país.

Ruínas Oufella-Kasbah: localizada em um altiplano da cidade, as ruínas da antiga cidade destruída pelo terremoto em 1960 tem uma vista privilegiada dos arredores de Agadir e dispõe também de alguns passeios de camelo ao seu entorno. Apesar de seu estado de conservação e das precárias condições de higiene no seu interior, as ruínas são um atrativo turístico bem interessante e podem ser visitadas diariamente até o entardecer (um dos melhores horários para a visita). Lembre-se que a melhor maneira de chegar até elas é de táxi (cerca de 100-150 Dirhans), mas combine antes o valor da corrida com o condutor para não ter surpresas no final.

IMG_2007

Medina: localizada a 7 minutos da área dos ressortes da cidade, a medina é um dos melhores lugares para provar os sabores do Marrocos. Em um emaranhado de corredores podemos encontrar diversas lojinhas de artesanatos, roupas, calçados, alimentos, móveis, etc. a verdadeira meca das compras e das barganhas. O Marrocos é um grande produtor de produtos alimentícios naturais como o mel, tâmaras, damascos, além do famoso óleo de Argan muito utilizado na fabricação de cosméticos e produtos alimentícios (o óleo dourado tem até um museu em sua homenagem na cidade de Agadir). Não deixe de visitar a Medina e comprar os óleos e sabonetes produzidos com o óleo e experimentar o creme de amêndoas moído na hora que é uma das iguarias do mercado.

IMG_2009

IMG_2011

IMG_2012

Quer receber mais dicas de viagem?

Então curta nossa página no Facebook.

Siga o @turisnews no Twitter.

Não seja egoísta, compartilhe com seus amigos!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s