Paisagens vulcânicas de Arrecife de Lanzarote


Há nove anos estive pela primeira vez em Arrecife, a capital de Lanzarote (Espanha), e esta semana tive a oportunidade de retornar e conhecer um pouco mais dos atrativos deste pequeno paraíso.

IMG_1998

Arrecife é uma ilha que apareceu no mapa somente no Século XV como um pequeno porto de pescadores. O seu nome “Arrecife” teve origem devido à abundância de recifes e ilhotas ao longo de sua costa e não é a toa que a primeira vista que se tem do local é de uma lindíssima orla marítima que abriga pequenos portos naturais.

A ilha de origem vulcânica também chama a atenção pela beleza de seus vulcões inativos, pelas suas cavernas subterrâneas e pelos terrenos irregulares e únicos que mais parecem paisagens lunares.

O que ver em Arrecife:

El Charco de San Gines: uma lagoa de água salgada localizada no centro da cidade e cercada pelas casas dos pescadores e pequenos restaurantes. Um dos lugares mais tranquilos da ilha onde o visitante pode ainda participar de atividades aquáticas como o Paddle Surf ou um passeio de barco.

IMG_1951

IMG_1971

Jameos del Agua: localizado dentro de um túnel vulcânico de 6Km de comprimento, criado pela erupção do vulcão La Corona, este complexo possui um lago interno que se originou pela infiltração da água através da rocha que está abaixo do nível do mar. Simplesmente uma formação geológica única no mundo que atrai vários visitantes todos os dias. Foi o primeiro centro turístico criado por César Manrique e é o reflexo perfeito de um dos seus princípios criativos: a harmonia entre a natureza e a criação artística.

A visita completa ao complexo dura cerca de uma hora e começa por uma pequena escada em espiral feita em pedra vulcânica e madeira que leva até o interior do “Jameo Chico” onde há uma quantidade abundante de vegetação e elementos ornamentais, assim como um lago natural que abriga dezenas de espécies endêmicas como o famoso Caranguejo Albino (Munidopsis polymorpha) conhecido também como “jameitos” . Depois da visita ao lago o passeio segue para o “Jameo Grande” onde é possível conhecer o Auditório construído dentro da gruta do vulcão e ao final um tempo livre para aproveitar a paisagem ou simplesmente comer algo no restaurante ou na cafeteria local.

As visitas aos Jameos del Agua podem ser feitas diariamente das 10:00-18:00 e aos Domingos das 10:00-22:00 ao custo de 9 euros para adultos e 4,5 euros para crianças até 12 anos.

jameos 2

jameos

Parque Nacional de Timanfaya: um dos parques mais visitados na Espanha, o Timanfaia é um daqueles lugares que parecem cenário de um filme de jornada nas estrelas. Para se ter uma ideia, basta imaginar uma ilha sob constantes erupções vulcânicas e as lavas escorrendo em direção ao mar. Pois é este cenário que vemos ao entrar no parque, uma paisagem lunar cercada por montanhas de fogo que descrevem perfeitamente o conceito de erupção e atividade vulcânica, as quais conhecemos somente dos nossos livros de geografia. O parque, assim como outros atrativos da ilha, possui também o toque do artista César Manrique, que criou um símbolo em formato de diabo anunciando a entrada no espaço protegido do parque.

As visitas ao parque são guiadas e podem ser feitas todos os dias das 09:00-19:00 e nos meses de verão das 09:00-17:45 ao custo de 8 euros para adultos e 4 euros para crianças de até 12 anos.

timanfaia

O que comer:

A ilha oferece várias opções de restaurantes, bares e adegas onde é possível degustar os produtos tradicionais espanhóis como o jamón (presunto), os queijos, vinhos e os licores de cactos que são produzidos nesta região.

Uma dica interessante é visitar o Restaurante Museu do Vinho, um restaurante muito acolhedor que, além de exibir uma coleção de rótulos dos vinhos mais finos, dispõe de uma seleção variada de pratos e tapas (lanches) de dar água na boca.

IMG_1985

 Onde ficar:

Uma super dica de hospedagem em Arrecife é o Grand Hotel. Por muitos anos o prédio deste hotel ficou abandonado devido a um incêndio, no entanto após a sua renovação passou a ser um dos atrativos da ilha, pois do alto do seu restaurante é possível ter umas das mais espetaculares vistas da cidade.

Quer receber mais dicas de viagem?

Então curta nossa página no Facebook.

Siga o @turisnews no Twitter.

Não seja egoísta, compartilhe com seus amigos!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s